domingo, 25 de outubro de 2020

Oposicionista ao candidato a prefeito Léo Cunha criam confusão e até disparos de arma de fogo contra um simpatizante do próximo prefeito de Estreito aconteceu


Reprodução/Léo Cunha discursando 

Após uma grande caminhada com carreata, e finalizada com um comício no final da tarde dessa sexta-feira (23), no bairro Vila São Francisco, um oposicionista com intuito de gerar confusão, partiu para agressividade, desferindo disparos de arma de fogo contra um simpatizante do PL22, colocando em risco todo o público presente no evento.

Conforme determina as regras de segurança, a coligação “agora é a vez do povo”, a qual deputado Léo Cunha é candidato a prefeito, notificou ANTECIPADAMENTE todos os órgãos de segurança. Apesar do bom trabalho dos poucos agentes, não havia contingente, nem tampouco recursos suficientes para eventos de tal magnitude, como foi o comício do Deputado. A realidade dos fatos, é que a atual gestão não tem compromisso, não tem respeito para com os agentes e nem com a população. 


De acordo com informações obtidas só havia de plantão na data do evento, apenas 03 (três) agentes da Guarda Municipal e, as orientações do comando são para não permanecer ou se envolver nos eventos (circular a pé entre a multidão), um verdadeiro descaso com a segurança pública do município. 

Apesar da tentativa em vão de provocar desordem, Estreito presenciou o maior arrastão que já aconteceu na história. O povo mostrou sua força e o desejo de se livrar das injustiças, dos gritos de “incompetentes”, da batida mesa e da opressão da atual gestão. O fato é que nesta sexta-feira (23), Estreito ficou azul!


sábado, 24 de outubro de 2020

Diferente do previsto, agenda de Bolsonaro no Maranhão é reduzida

 

Desde o começo do mês, o senador Roberto Rocha (PSB) vem repercutindo a possível vinda do presidente Bolsonaro ao Maranhão. Inicialmente, foram divulgados os dias 29 e 30 para a agenda do presidente no Maranhão.

Neste sábado (24), Rocha divulgou em suas redes sociais a agenda oficial, desta vez com várias alterações, o que demonstra desorganização por parte do senador.

Segundo a programação, Bolsonaro visitará apenas São Luís e Imperatriz no dia 29 de outubro, e não mais Açailândia e São Pedro dos Crentes, como havia sido divulgado por Roberto Rocha.

Desprestigiando o seu principal aliado no Maranhão, Bolsonaro cancelou a agenda prevista em Balsas, cidade de Roberto, alegando falta de apoio da PM do Maranhão. O fato foi desmentido pelo governador Flávio Dino e pela Secretaria de Estado da Segurança Pública, por meio de nota.

Será mesmo se Roberto Rocha está com prestígio no governo Bolsonaro? Diante dos ocorridos, é de se questionar esta parceria. É aguardar para ver.

Dario Sampaio disparou em Senador La Rocque


Reprodução/Dario Sampaio 

Pesquisa eleitoral realizada pela empresa QUALLITY SERVICOS INTELIGENTE traz o candidato Dário Sampaio (Democratas) na frente nas intenções de votos dos eleitores para o cargo de prefeito em Senador La Rocque nas eleições municipais de 2020. 

O candidato e atual prefeito é o nome mais citado na pesquisa com 53,2%, à frente do Professor Bartolomeu com 37,7%.

A pesquisa ouviu 600 pessoas, nas concentrações das residências dos bairros e localidades do Município de Sanador La Rocque – MA e o nível de confiança é de 95% , com margem de erro de quatro pontos percentuais para mais ou menos. A pesquisa está registrada no TSE sob o número MA-09835/2020.

Veja a abaixo dados da pesquisa:

sexta-feira, 23 de outubro de 2020

Candidatos e partidos devem enviar ao TSE prestação das contas de campanha até domingo

 

Até domingo (25), os partidos políticos devem enviar à Justiça Eleitoral a prestação de contas parcial referente às Eleições Municipais 2020, cujo prazo foi iniciado na quarta-feira (21). Todos os candidatos, independentemente de estarem com o registro deferido ou não, deverão encaminhar a prestação de contas parcial até este domingo (25), por meio do Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE).

Devem constar da prestação de contas parcial toda a movimentação financeira e/ou estimável em dinheiro ocorrida do início da campanha até o dia 20 de outubro, conforme previsto na Resolução TSE nº 23.627/2020, que instituiu o novo calendário das Eleições 2020, em razão da pandemia de Covid-19.

De acordo com o artigo 47, parágrafo 6º, da Resolução TSE nº 23.607/2019, a não apresentação da prestação de contas parcial ou a sua entrega de forma que não corresponda à efetiva movimentação de recursos caracteriza infração grave, salvo justificativa acolhida pela Justiça Eleitoral, que será apreciada no julgamento da prestação de contas final.

Os dados das prestações de contas parciais serão divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral no dia 27 de outubro, por meio do sistema DivulgaCandContas.

O candidato que renunciar à candidatura, dela desistir, for substituído, ou tiver seu pedido de registro indeferido pela Justiça Eleitoral deverá prestar contas correspondentes ao período em que participou do processo eleitoral, mesmo que não tenha realizado campanha. Se houver dissidência partidária, os dissidentes também deverão prestar contas.

Governador Flávio Dino vai ao STF contra o presidente Jair Bolsonaro

 

Nesta quinta-feira (22), o governador Flávio Dino (PCdoB) foi ao STF contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Segundo o governador, o presidente cometeu calúnia ao dizer à rádio Jovem Pan que tinha viagem prevista para participar de evento evangélico na cidade de Balsas, mas como Dino lhe negara o efetivo da PM para fazer esquema de segurança, teve de desistir.

Na peça enviada ao Supremo, Dino diz que não recebeu solicitação para a segurança presidencial. Na petição, ele exige que Bolsonaro apresente provas da suposta recusa de colocar a polícia à disposição de sua segurança.

Flávio Dino afirma que se necessário comprará vacinas contra Covid-19

 

Em entrevista coletiva neta sexta-feira (23), o governador Flávio Dino afirmou que já autorizou à secretaria de Planejamento a viabilidade de aporte de recursos para que o Estado adquira, com recursos próprios, a vacina contra Covid-19 caso não haja uma solução do governo federal. Dino disse que aguarda a definição de qual será o programa nacional de imunização, que cabe ao Ministério da Saúde, e fez um alerta para um crescimento de casos do novo coronavírus em São Luís.

“Determinei à secretária Cynthia Mota que comece a separar recursos do governo do estado para, que se for necessário, nós possamos, nós próprios, comprarmos a vacina caso esta confusão federal não se resolva, caso o poder judiciário não consiga resolver. Ainda não há definição de data, pois, a princípio, é preciso a autorização da Anvisa para que se possa fazer a vacinação, mas vamos esperar até o fim desse mês“, informou o governador.

O governador disse que, no momento, ainda não há cenário de novas medidas restritivas, tendo em vista o leve aumento de casos do Covid-19 em São Luís e o aumento da procura pelos serviços hospitalares da capital de pessoas com sintomas da doença nesta semana.

Dino e outros governadores podem acionar o STF (Supremo Tribunal Federal) contra o presidente Jair Bolsonaro se ele não recuar da decisão de não comprar as 46 milhões de doses da CoronaVac. Partidos de oposição entraram com uma ação no STF (Supremo Tribunal Federal) pedindo que o governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) apresenta, em até 30 dias, seus planos sobre vacina e medicamentos contra o novo coronavírus.

Keke Teixeira favoritíssimo a continuar como "Parlamentar Mirim em Cidelândia"

Pelo o grande trabalho desenvolvido como presidente da Câmara Municipal de Cidelândia, o vereador e atual presidente Keke Teixeira, tem grandes chances em ser reeleito no próximo dia 15 de novembro. 

Neste mandato de presidente, o nobre vereador, contribuiu para a grande administração do prefeito Fernando Teixeira, que o coloca também, como o grande favorito para ser o vitorioso como prefeito de Cidelândia mais uma vez.

Keke Teixeira, foi eleito para o cargo de vereador em 2016 com 367 votos pelo PMDB, no pleito para legislatura 2017-2020, e em 1º de janeiro de 2017, foi eleito como presidente da câmara por unanimidade; e verdadeiramente realizou um excelente mandato de vereador na cidade de Cidelândia. 


http://omaiordomundobr.blogspot.com.br/2017/03/governo-do-maranhao-bolsa-escola.html