segunda-feira, 18 de março de 2019

Dilma irritou petistas ao afirmar que Lula é muito bem tratado na prisão

Dilma irritou petistas ao afirmar que Lula é muito bem tratado na prisão
Por Agora Notícias Brasil
Os petistas já não sabem o que fazer com a ex-presidente cassada Dilma Rousseff. Um dirigente do PT contou à coluna ter visto e ficado perplexo quando, após visita recente ao preso ilustre, ela se dirigiu a um policial e elogiou: “Vocês estão cuidando muito bem do Lula”. Dilma parecia alheia à estratégia não escrita do partido de vitimizar o ex-presidente que cumpre pena por corrupção e lavagem de dinheiro. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
Após o elogio ao tratamento a Lula, dirigentes do PT pediram a Dilma para não repetir o comentário, a fim de evitar “mal-entendido”.
Lula completará onze meses de prisão na próxima quinta-feira (7), de um total de 12 anos e 1 mês de sentença.
Presidente do STJ, ministro João Otavio de Noronha acha que Lula na PF pode caracterizar tratamento privilegiado no sistema carcerário.

Enquanto os presos custam em média R$2.700 por mês, o custo do ex-presidente nas dependências da PF chegam a R$10 mil por dia.

Miss Teen Universo sofre ataque cardíaco e morre aos 19 anos

A modelo holandesa morreu durante uma viagem com a família na Áustria



Miss Teen Universo sofre ataque cardíaco e morre aos 19 anos
Por Agora Notícia Brasil
A Miss Teen Universo Lotte Van Der Zee, 19 anos, morreu na última quarta-feira (6), após sofrer um ataque cardíaco. A informação foi divulgada pela família da modelo nessa sexta-feira (8).

De acordo com a revista Quem, Lotte estava em viagem com a família na Áustria.
Os pais da modelo, Bert van der Zee e Eugeniek van het Hul, lamentaram a perda. "Nossa pérola, nosso tudo, faleceu na noite de quarta-feira, 6 de março, às 22h47", eles colocaram o post com uma foto de Lotte. "É incrivelmente surreal que nossa querida Lotte não esteja mais perto de nós. Nossos corações estão realmente partidos."
A família contou ainda que "Lotte começou a se sentir mal durante o período da tarde. Atingiu rapidamente a parada cardíaca súbita".
A jovem morreu um dia antes de completar 20 anos. Em 2017, ela conquistou o título de Miss Teen Universo.

Nicolau Dino é cotado para ser o novo coordenador da Lava Jato

Na eleição para a chefia da PGR, em 2017, Nicolao Dino foi o mais votado quando obteve 621 votos entre os procuradores
O subprocurador geral da República Nicolao Dino, irmão do governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB), é cotado para substituir Deltan Dallagnol na coordenação da força-tarefa Lava Jato.
Deltan está demissionário do cargo desde que sofreu três derrotas seguidas no Supremo Tribunal Federal (STF), e ser alvo de investigação na Procuradoria Geral da República (PGR) após tentar formar um fundo bilionário privado com R$ 2,5 bilhões da Petrobras.
Na eleição para a chefia da PGR, em 2017, Nicolao Dino foi o mais votado quando obteve 621 votos entre os procuradores. Ele derrotou a atual procuradora-geral, Raquel Dodge, que ficou em segundo lugar com 587 votos. No entanto, o então presidente Michel Temer (MDB) a escolheu numa lista tríplice.
Quanto à lava jato, trata-se de uma força-tarefa formada por procuradores da República que estão nos trabalhos de investigação na primeira instância da Justiça Federal do Paraná, em crimes relacionados à Petrobras, desde abril de 2014. (Do blog do Esmael)

Congressos do PCdoB e PPL aprovam união em defesa do Brasil

Os congressos foram realizados na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e, em clima de grande entusiasmo, os delegados oriundos de todos os estados brasileiros aprovaram a proposta de incorporação do PPL ao PCdoB
Em um dia histórico para os comunistas do Brasil, o PCdoB e o PPL realizaram domingo (17), congressos extraordinários para aprovar a união dos dois partidos. A partir de agora as duas legendas se unem numa só: o PCdoB, culminando um rico processo iniciado há cerca de cinco meses. Nesta segunda-feira será encaminhado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o pedido para que a corte homologue a incorporação.
Os congressos foram realizados na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e, em clima de grande entusiasmo, os delegados oriundos de todos os estados brasileiros aprovaram a proposta de incorporação do PPL ao PCdoB apresentada pelas direções dos dois partidos. Também foi aprovada a ampliação do Comitê Central, que passa a contar com 170 membros, e da Comissão Política Nacional, agora composta por 41 integrantes. Ao final dos congressos, o Comitê Central recém-eleito reuniu-se para eleger os novos integrantes da Comissão Política Nacional, assim como da nova Comissão Executiva Nacional, da qual passou a fazer parte, como um dos dois vice-presidentes, Sérgio Rubens, que até este domingo presidia o PPL.
Após a abertura e aprovação do regimento do Congresso, a presidenta do PCdoB, Luciana Santos, fez um pronunciamento em que destacou a relevância histórica dos dois congressos. “No dia de hoje damos um passo a mais na construção de um partido forte, com solidez ideológica, flexibilidade e amplitude tática, que compreenda a natureza e os anseios do nosso povo. Uma força organizada, com ampla militância em distintas esferas da sociedade e com unidade política e de ação”, afirmou Luciana. Sérgio Rubens também se pronunciou no inícios dos trabalhos e ressaltou a importância de concentrar forças para enfrentrar os desafios em face da posse do governo Bolsonaro. Para ele, é necessária a construção de uma frente que una amplos setores para derrotar a agenda do governo, com destaque para a reforma da previdência.
Em seguida se falaram Orlando Silva, atual líder do PCdoB na Câmara dos Deputados; João Vicente Goulart, ex-candidato a presidente da República; Irapuan Santos, então presidente do PPL-RJ; Jandira Feghali, líder da Minoria na Câmara dos Deputados; Márcia Campos, da Confederação de Mulheres do Brasil; Manuela d’Ávila, ex-candidata a vice-presidenta da República; Nilson Araújo, professor e ex-presidente da Fundação Cláudio Campos; Renato Rabelo, presidente da Fundação Maurício Grabois; Ildo Sauer, professor da USP e ex-diretos da Petrobras e Flávio Dino, governador do Maranhão.
Encerrados os trabalhos dos dois congressos, foi realizado o lançamento do livro “Revolução Laura”, de Manuela d’Ávila.

O ótimo desempenho de Fernando Teixeira como prefeito de Cidelândia


Reprodução/prefeito Fernando Teixeira com o empresário Batatinha
Mas pra ser bom nesse esporte, primeiro tem que mandar bem nas outras modalidades da administração!

Vejamos!


Na EDUCAÇÃO - Fernando Teixeira é o prefeito que mais investiu nessa área em dois anos de mandato. Já são duas escolas concluídas (climatizadas e no padrão MEC), e há mais três em fase final. Soma-se ainda à educação o investimento em capacitações de professores e as amplas reformas das escolas da Rede Municipal, que incluem colocação de piso cerâmico, janelas em vidro temperado, forro, troca de teto, pintura de telhado e reparos nos sistemas elétrico e hidráulico, conforme o caso de cada uma.

Na INFRAESTRUTURA - já é o que mais pavimentou vias públicas. São 4,5km de asfalto na cidade até agora, incluindo a obra de drenagem de água na Rua 1 da Vila Davi, e mais 1,2km no Povoado Trecho Seco com a construção de sarjeta, meio-fio e calçadas laterais com a devida sinalização do perímetro.

Na SAÚDE - Fernando Teixeira é o que mais reformou, ampliou e ajustou todas as unidades básicas de saúde e o Hospital Municipal às exigências do Ministério da Saúde, além de garantir medicamentos e médicos.

Na ASSISTÊNCIA SOCIAL - é o prefeito que mais garantiu o funcionamento dos programas sociais, inclusive acrescentando cestas de alimentos com frutas e verduras aos mais carentes por meio do Programa de Aquisição de Alimentos dos governos Estadual e Federal.

Nas FINANÇAS - mantém a regularidade das contas da Prefeitura com pagamento em dia de servidores e fornecedores.

Na AGRICULTURA - é o que mais investiu no setor primário, garantindo mecanização de terras e sementes aos pequenos produtores.

No MEIO AMBIENTE - é o prefeito que deu o primeiro passo quanto à importância da preservação dos riachos e à formulação do Plano Municipal de Saneamento Básico de Cidelândia. E na CULTURA - Fernando Teixeira é o que mais implementou as festas culturais, como o Arraiá da Cida - que no último ano recebeu Washington Brasileiro; o Período de Veraneio da Praia de Viração - sucesso com os shows das bandas Balancear e Sacode, além da modernização em palco e barracas e o ANIVERSÁRIO DO MUNICÍPIO, que já teve Mano Walter e Xand Avião como atrações.


Então, sendo bom nessas áreas da administração, só poderia mandar bem no ESPORTE! E não basta apenas construir, reformar estádio e ginásio ou apoiar campeonatos, como tem feito, tem que participar também!

E por ocasião do 22° Enduro de Cidelândia, com a organização do Garrido, realizado no último sábado e domingo (16 e 17 de março), Fernando Teixeira provou que não apenas apoia, como também participa desta que é uma das maiores trilhas do Norte e Nordeste brasileiro, e já consagrada por reunir pilotos das duas regiões e por movimentar a economia local, aquecendo o comércio de moda, comida, bebida e hoteleiro.

Sem prestígio com Jair Bolsonaro, Aluísio Mendes deixa de defender as pautas do governo

Aluísio segue uma verdadeira saga pelos gabinetes de Brasília em busca de espaços no Governo Federal, mas até o momento, não foi contemplado com nada.
Como em um conto de fadas que chega ao fim, a relação do deputado federal Aluísio Mendes (Podemos) e o presidente Jair Bolsonaro (PSL), ao que tudo indica, também chegou ao fim.
Aluísio fez parte da Polícia Federal e estreitou os laços com Eduardo Bolsonaro, um dos filhos do presidente. Em seu primeiro mandato, foi colega de parlamento de Jair Bolsonaro e foi um dos defensores da campanha do presidente desde o início.
Nem mesmo a proximidade de Aluísio com a família Bolsonaro fez com que o presidente, nem mesmo os ministros do governo da área militar enxergassem o deputado maranhense e retribuísse todo o esforço da campanha.
Aluísio segue uma verdadeira saga pelos gabinetes de Brasília em busca de espaços no Governo Federal, mas até o momento, não foi contemplado com nada.
Sem prestígio com o presidente, as pautas atuais do Governo Federal não entram mais nas discussões colocadas pelo deputado em suas redes socais. O que antes era puro euforismo, hoje está mais para a decepção e o desânimo.

domingo, 17 de março de 2019

Vice-prefeita de município do Rio Grande do Sul visita Seduc para conhecer o Programa Escola Digna

Paulete Souto disse que já conhecia um pouco sobre o Programa Escola Digna porque o trabalho realizado no Maranhão, principalmente na educação, hoje é referência para o Brasil
Conhecer de perto o Programa Escola Digna, a Macropolítica Educacional do Estado do Maranhão, e tentar levar cases de sucesso para seu município. Com este objetivo Paulete Souto, vice-prefeita do município de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, visitou a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), esta semana. Ela foi recebida pelo secretário de Estado de Educação em exercício, Anderson Lindoso, e pela secretaria adjunta de Ensino, Nadya Dutra.
Paulete Souto disse que já conhecia um pouco sobre o Programa Escola Digna porque o trabalho realizado no Maranhão, principalmente na educação, hoje é referência para o Brasil. “Vocês não imaginam a repercussão, lá fora, do trabalho que vocês estão fazendo aqui. Hoje, a educação do Maranhão é referência para nós, pelos avanços que aconteceram no governo do Flávio Dino e pelo o que tem representado na questão da Educação no país”, disse Paulete Souto.
Na conversa, Anderson Lindoso e Nadya Dutra falaram da concepção do Programa Escola Digna, criado em 2015, com o propósito de transformar a Educação do Maranhão em um ensino de qualidade e de resultados. Foram abordadas temáticas como a substituição de estruturas inadequadas em prédios de alvenaria e estruturado; formação de professores; avanço no Ideb; Programa Mais Ideb; Escola de Tempo Integral; Educação Indígena e suas peculiaridades; Regime de Colaboração com os Municípios, entre outros aspectos.
Também, foi discutido o investimento na valorização dos professores, como o plano de cargos e carreiras, onde nos quatro primeiros anos de gestão, o governador Flávio Dino garantiu a mais de 26 mil professores progressões, promoções e titulações em suas carreiras, além do melhor salário pago à categoria no país.

http://omaiordomundobr.blogspot.com.br/2017/03/governo-do-maranhao-bolsa-escola.html