Governo do Estado

Governo do Estado

terça-feira, 27 de junho de 2017

Pedofilia: não existe limite de idade para casamento no Islão



Casamento coletivo com crianças

Poucas coisas são mais abundantemente atestadas na lei islâmica do que a permissibilidade do casamento infantil.


Não existe limite de idade para casamento sob o islão. O que para a maior parte do mundo é pedofilia, para a lei islâmica, e para os muçulmanos mais fervorosos, é algo permitido por Alá no Alcorão bem como algo praticado por Maomé e por seus companheiros.



Alcorão



O Alcorão 65:4 se refere a um período de espera após o casamento de 3 meses, período esse que inclui  "as esposas que ainda não tenham tido menstrução." Deste modo "Alá estabeleceu regras sobre o casamento, divórcio e o período de espera para as mulheres que ainda não tiveram a menstruação, ou seja, as meninas novas."


Child Marriage in Islam, Islamweb, Fatwa No. 88089, 24 de junho de 2004.


A Tradição de Maomé



A tradição islâmica registra que a esposa favorita de Maomé, Aisha, tinha seis anos quando Maomé se casou com ela, e nove anos quando ele consumou o casamento:

O Profeta escreveu o (contrato de casamento) com Aisha quando ela tinha seis anos e consumou seu casamento com ela enquanto ela tinha nove anos de idade e ela permaneceu com ele durante nove anos (ou seja, até a sua morte)" (Bukhari 7.62.88).
Em outra tradição, a própria Aisha narra a cena:
O Profeta ficou noivo de mim quando eu era uma menina de seis (anos). Fomos para Medina e ficamos na casa de Bani-al-Harith bin Khazraj. Então eu fiquei doente e meu cabelo caiu. Mais tarde, meu cabelo cresceu (de novo) e minha mãe, Um Ruman, veio a mim enquanto eu estava brincando de balanço com algumas das minhas amigas. Ela me chamou, e eu fui para ela, sem saber o que ela queria fazer comigo. Ela me pegou pela mão e me fez ficar na porta da casa. Eu estava sem fôlego, em seguida, e quando a minha respiração voltou ao normal, ela tomou um pouco de água e esfregou o meu rosto e a minha cabeça com ela.

Então ela me levou para dentro da casa. Lá na casa eu vi algumas mulheres Ansari, que disseram: "melhores votos e bênção de Alá e uma boa sorte." Então ela me confiou a elas e elas me prepararam (para o casamento). Inesperadamente, o Apóstolo de Alá veio a mim na parte da manhã e minha mãe me entregou a ele, e naquela época eu era uma menina de nove anos de idade. (Bukhari 5.58.234).
Lei Islâmica em Ação

Nenhum comentário:

http://omaiordomundobr.blogspot.com.br/2017/03/governo-do-maranhao-bolsa-escola.html